Interludio 2 - Depois de Dallas.   Posted by Narrador.Group: 0
Wraith
 player, 283 posts
Tue 20 Dec 2011
at 20:03
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Após os eventos em dallas, wraith decidiu estudar mais seus poderes e os do resto do grupo.

Ela nunca antes tinha "possuído" alguém como acontecera com o homem planta em dallas e ela precisava entender as limitações deste novo poder.

Ela decide ir até o laboratório de faust para fazer estes testes.

Ao chegar vê faust ainda com a bengala.

Faust, preciso de uma ajuda para fazer alguns testes sobre o alcance de meus poderes. Você teria disponibilidade?
Dhampyr
 player, 448 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Tue 20 Dec 2011
at 21:37
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
A projeção holográfica de Gem surgiu ao seu lado:

- "Wraith está se aproximando." - Ela informou.

Faust olhou para a A.i. e acenou com a cabeça. Assim como ela surgiu, ela desapareceu, ao que as portas duplas do laboratório se abriram, revelando a Líder Etérea:

Wraith:
Faust, preciso de uma ajuda para fazer alguns testes sobre o alcance de meus poderes. Você teria disponibilidade?


O Gênio-Prodígio olhou para a lista de projetos atrasados no projetor holográfico por um momento, e desligando a projeção, ele virou-se para Wraith:

- "Claro. quando você quer começar?" - Novak perguntou, com um sorriso amistoso.
Nemesis
 GM, 281 posts
 Aaron Gibson
 Awesomeness & Coolness
Wed 21 Dec 2011
at 01:29
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
"Aaron, a sala está disponível" - A voz do Tigre de Bronze soou no sistema de comunicação dentro do quarto de Aaron, interrompendo sua meditação. Comparado com seus companheiros, seu corpo parecia ter nascido nesse exato momento, dada a total ausência de cicatrizes e escoriações, mas ele ainda se lembrava de sentir dor devido aos ataques - algo que o fez se lembrar dos problemas em se ignorar as limitações de seus poderes.

O garoto se levanta e responde afirmativamente ao Tigre, e sai do quarto vestindo uma camisa velha de uma banda de hardcore (Throwdown, para os personagens que conhecerem), uma calça de moletom e pés descalços, se dirigindo à sala de treinamento e trombando com Red Oni no caminho. Ele a cumprimenta sorrindo e continua.

Chegando, uma sequência se inicia e uma floresta nevada se mostra. Há um embrulho em sua mão, e ele examina um colar que estaria dentro dele. "O nome do alvo é indiferente. Você deve se concentrar em localiza-la nessa floresta, onde a visão é de pouco uso no meio dessa nevasca. Não há rastros visíveis para se seguir, nem ruídos para se guiar. Concentre-se, e tente cumprir seu objetivo o mais rápido possível."

Aaron segura firmemente o colar em suas mãos e fica imóvel, apenas sentindo o ambiente ao seu redor, até que algo o diz para seguir para a sua direita - uma sensação estranha, quase um sexto-sentido. Conforme ele anda, percebe o quanto estaria perdido se dependesse apenas da visão, tão forte é a nevasca, mas a estranha sensação vai ficando cada vez mais forte - quando começa a fraquejar, ele apenas toma outra direção até que a sensação torne a aumentar. Ele não sabe por quanto tempo fica ali, caminhando e seguindo apenas uma sensação, andando às cegas em meio a um ambiente desconhecido, mas ele enfim localiza uma mulher atlética vestindo o traje negro do Xeque-Mate, e então a simulação termina.

"Acredito que isso seja seu" diz Aaron, entregando o colar à mulher, que apenas o apanha calmamente e parte sem dizer uma palavra. Ele olha para cima, onde o Tigre estava observando. "Está mais forte dessa vez. Eu consegui encontra-la mais rápido, não?" ele pergunta, ao que o homem acena positivamente.

"Ei, Tigre, poderia ligar alguma sequência pra mim? Quero... praticar." Aaron não termina a frase sinceramente, enquanto tira sua camiseta de estimação para não estragá-la. Na verdade, o que ele procurava era uma forma de praticar seu autocontrole - e a constante lembrança do que poderia ter feito a Wraith ainda o incomoda - e talvez incomode mais não entender porque ele se incomodaria tanto, mas enfim... Adolescentes.

"Ok, qual você quer, garoto?"

"Me surpreenda..."
e um sorriso sádico surge no rosto do garoto.
Wraith
 player, 284 posts
Wed 21 Dec 2011
at 01:34
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Imediatamente se você puder é claro. Como esta a perna? Parece estar se recuperando rápido.

Vamos precisar de um voluntario para o teste, chamamos alguém?

Dhampyr
 player, 449 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Wed 21 Dec 2011
at 03:13
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Imediatamente se você puder é claro. Como esta a perna? Parece estar se recuperando rápido.

Vamos precisar de um voluntario para o teste, chamamos alguém?


Faust levou uma mão a perna, e pretentendo (e só parcialmente sucedendo) não sentir dor, ele disse:

- "Hunky-Dory! Quase como nova..." - O Gênio-Prodígio disse, com seu sotaque britânico.

Ele olhou, um segundo longo demais, nos olhos profundos da Líder Etérea, e imediatamente ele virou-se de costas para ela e de frente para a projeção holográfica..

"Certa você está, My dear Miss Jones."- Faust falou, de forma quase teatral.  - "Nós precisamos de uma cobaia, certamente. Quem vamos chamar?"

This message was last edited by the player at 15:50, Wed 21 Dec 2011.

Veronica Fallen
 player, 135 posts
 Meiga
 Dedicada
Wed 21 Dec 2011
at 19:53
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
OOC: O tempo ta complicado...

Veronica tem ficado bastante no quarto isolada, pensando nos últimos acontecimentos.
Wraith
 player, 285 posts
Wed 21 Dec 2011
at 20:28
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Não sei quem chamar, talvez um dos guardas? Podemos falar com o tigre de bronze e ver o que ele acha.
Dhampyr
 player, 450 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Thu 22 Dec 2011
at 03:06
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Não sei quem chamar, talvez um dos guardas? Podemos falar com o tigre de bronze e ver o que ele acha.


Faust virou-se para Gwen, com uma sombrancelha arqueada por um momento, e então falou:

- "Eu prefiro que nós começemos por estabelecer os mecanismos de sua eterealidade..." - Novak falou, acionando uma série de controles holográficos - "... e deixemos qualquer outra habilidade que precise da presença de um exorcista ordenado para depois."
Dhampyr
 player, 451 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Fri 23 Dec 2011
at 17:31
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Sacando seu Sonic Scredriver, ele olhou para Wraith, e apontando o gadget para ela, ele falou:

- "Ok, torne-se intangível." -Faust ordenou
Wraith
 player, 286 posts
Fri 23 Dec 2011
at 19:16
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith se torna intangível como dhampyr solicitou e aguarda os testes.
Dhampyr
 player, 452 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Fri 23 Dec 2011
at 19:33
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
OOC: Gadget ativado: Analisador Multi-espectral

Wraith:
Wraith se torna intangível como dhampyr solicitou e aguarda os testes.


Faust observou as leituras, e passou o screwdriver pelo abdome intangível da Líder Etérea, e voltando a checar as leituras.

- - "Hummnn. interessante. você já encontrou algum material onde você não conseguiu usar sua intangibilidade para atravessa-lo?"
Wraith
 player, 287 posts
Fri 23 Dec 2011
at 19:53
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Ainda não, mas nunca tentei nada demais, normalmente são paredes, portas de metal.

Sei que quando fico intangível consigo voar e chegar ao ponto de não ser vista, mas as plantas na ultima missão me perceberam então não sei bem como funciona, acho que é apenas visual.

Dhampyr
 player, 453 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Fri 23 Dec 2011
at 20:30
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Ainda não, mas nunca tentei nada demais, normalmente são paredes, portas de metal.

Sei que quando fico intangível consigo voar e chegar ao ponto de não ser vista, mas as plantas na ultima missão me perceberam então não sei bem como funciona, acho que é apenas visual.



Novak olhou pensativo para o Sonic Screwdriver por um momento. De súbito uma miríade de pequenas telas holográficas surgiram ao redor do gadget e ele então, com um gesto da mão, arremessou as telas holográficas o projetor principal... As leituras minúsculas se tornaram maiores, mas a língua na qual as palavras estavam eram desconhecidas para a Líder Etérea.

Faust ignorou a maior parte dos hologramas, focando numa série de equuações...

- - "Humm..." - Ele ruminou...

Olhando ao redor, ele foi até uma das estantes, e abrindo uma gaveta, ele pegou uma esfera metálica. Ele então pegou um visor, e o colocou na cabeça, mas sem vesti-lo ainda.

Pegando novamente o Sonic Screwdriver, ele apontou o gadget para a esfera, e então a colocou na mesa...

- "Ok. eu vou assumir que, dado o fato de que você não sai por aí atravesendo paredes desnuda, e que esta ropa que vc está usando é diferente da roupa que você usou ontem que seu poder lhe permite afetar outras coisas além de você..." - Novak falou, de forma acadêmica. - "Eu quero que você pegue essa esfera e torne-a intangível com você também."

This message was last edited by the player at 20:30, Fri 23 Dec 2011.

Wraith
 player, 288 posts
Fri 23 Dec 2011
at 21:12
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Sem problemas, eu consigo colocar intangíveis todas as coisas que eu carrego, mas nunca tentei nada grande ou com alguém.
Dhampyr
 player, 454 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Fri 23 Dec 2011
at 21:19
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Sem problemas, eu consigo colocar intangíveis todas as coisas que eu carrego, mas nunca tentei nada grande ou com alguém.


- "Essa esfera vai se tornar mais densa e pesada." - Novak explicou - "Vamos descobrir exatamente o quanto vc suporta."
Wraith
 player, 289 posts
Fri 23 Dec 2011
at 23:50
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith segura a bola até ela cair de suas mãos. Quando a bola cai um estrondo enorme e um grande buraco abrem no chão do laboratório.

E ae quanto marcou?


Spoiler text: (Highlight or hover over the text to view)
Não sei se funciona assim, mas o poder diminui para cada AP de poder 1AP do meu peso, então eu conseguiria colocar intangível até 13AP de alguma coisa em massa? 13 AP de peso são aproximadamente 200 Toneladas.

Dhampyr
 player, 455 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Mon 26 Dec 2011
at 19:51
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
THUMP!!

A esfera caiu ruidosamente no piso, causando uma rachadura na resina industrial.

- "hummm...."  - Novak falou com uma expressão de leve surpresa.

Ele apontou o Sonic Screwdriver para a esfera, a desativou , e então a pegou do chão sem nenhum esforço, colocando-a na mesa. Projeções surgiram em cima da esfera, e o  Gênio-Prodígio transferiu as telas para o console principal.

- "Interessante. A esfera registrou 10 toneladas." - Faust a informou

Faust observou os dados que a esfera havia coletado, e isolando algumas, ele olhou para a Líder Etérea, enquanto quatro paredes holográficas começaram a se formar...

- "Você já encontrou algum material que não conseguiu atravessar?"
Wraith
 player, 290 posts
Mon 26 Dec 2011
at 20:19
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Ainda não, mas uma vez eu atravessei a porta de um cofre forte e senti uma resistência.
Dhampyr
 player, 456 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Fri 30 Dec 2011
at 01:51
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Ainda não, mas uma vez eu atravessei a porta de um cofre forte e senti uma resistência.



- "hummm..." - Faust falou, pensativo... e então ajustou a densidade molecular dos campos de força... - "Ok, tente atravessar esses quatro campos."


Spoiler text: (Highlight or hover over the text to view)
O primeiro campo de força tem AP 4, o segundo AP 8, o segundo tem AP 12, e o último tem AP 16

Wraith
 player, 291 posts
Fri 30 Dec 2011
at 12:38
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith passa pelo primeiro e segundo campo de força sem problemas, no terceiro ela sente alguma dificuldade e não consegue passar do quarto.

Esse aqui não estou conseguindo atravessar.
Dhampyr
 player, 457 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Sat 31 Dec 2011
at 00:06
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Wraith passa pelo primeiro e segundo campo de força sem problemas, no terceiro ela sente alguma dificuldade e não consegue passar do quarto.

Esse aqui não estou conseguindo atravessar.



O Gênio-Prodígio desativou os campos de força, e então, observando os dados, ele falou:

- "Existem pouquíssimos locais nesse planeta onde você não pode entrar..." - Faust a informou, e olhando direto para Gwen, ele disse, com mais seriedade - "Se você achar um destes locais, fique longe."


Pegando uma vez mais seu Sonic Screwdriver, o cientista o apontou para a Líder Etérea, e com uma expressão impessoal, ele perguntou:


Spoiler text: (Highlight or hover over the text to view)
Utilizando um Gadget como Medical Tricorder =)


- "Você é virgem?"
Wraith
 player, 292 posts
Sat 31 Dec 2011
at 05:34
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Com cara de furiosa wraith se vira para dhampyr.

O que isso tem a ver com os meus poderes?!!
Dhampyr
 player, 458 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Sat 31 Dec 2011
at 22:35
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Com cara de furiosa wraith se vira para dhampyr.

O que isso tem a ver com os meus poderes?!!


OOC: Qual o resultado do scanner...

Ignorando completamente o rompante de revolta da Líder Etérea, Faust analisou o resultado do scanner, enquanto ele explicava.

- "Habilidades meta-humanas podem ser ativadas pela primeira vez em momentos de stress físico ou mental, e ainda que a imaginação mundana nos leve a considerar situações fatalistas, a atividade sexual gera níveis de stress e atividade neural maiores do que soldados encontram em situações de combate intenso." - Faust elaborou, de forma impessoal e fria, enquanto ele transferia os dados biológicos coletados de Wraith na projeção.

Finalmente, ao que ele notou o olhar que a jovem Srta Jones lhe dispensava, ele falou:

- "Em minha tentativa de identificar o mecanismo e limites de suas habilidades, eu tenho de acercar todos os ângulos. Perdão se isso lhe faz disconfortável."
Wraith
 player, 293 posts
Sat 31 Dec 2011
at 23:10
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Com a explicação de Faust gwen fica um pouco mais calma e muito sem graça responde.

Sim ainda sou virgem.
Dhampyr
 player, 459 posts
 Faust Ferdinand Novak
 Super-Intelecto, Maduro
Mon 2 Jan 2012
at 03:29
Re: Interludio 2 -  Depois de Dallas
Wraith:
Com a explicação de Faust gwen fica um pouco mais calma e muito sem graça responde.

Sim ainda sou virgem.


A expressão constrangida de Gwen Jones fez aflorar em Novak simpatia pela Líder Etérea:

- "Apesar do que MTV e Kim Kardashian querem nos fazer crer, virgindade não é um conceito antiquado e motivo de embaraço." - Faust falou, enquanto ele pegava mais alguns instrumentos, com uma certa dificuldade, ao que ele ainda estava se apoiando na bengala...

Ele olhou de relançe para Wraith, e continuou a coletar módulos...

- "Se lhe faz sentir melhor, eu considero minha decisão de iniciar minha vida sexual tão cedo apressada e motivada pelas circunstâncias extenuantes, que não me possibilitou realmente de fato apreciar a experiência em toda sua plenitude." - O Gênio-Prodígio revelou.

Ele começou a montar os módulos, formando instrumentos diferentes...